quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Falha imperdoável

Dou-me conta, passados quase dois meses, de que não incluí nesta entrada sobre filmes favoritos um dos que mais me marcou em toda a vida. Já o vi dezenas de vezes. Se chego a casa tarde e me ponho a fazer zapping, arrisco-me a perder horas de sono: basta que apareçam Marisa Paredes a fazer de Huma Rojo a fazer de Blanche duBois, Cecilia Roth na mãe que mais merece sê-lo, Penélope Cruz num papel que ainda não superou, Candela Peña irritante na justa medida ou a dulcíssima Antonia San Juan, que nos ensina ("tetas, cinquenta mil!") que "una es más auténtica cuanto más se parece a lo que ha soñado de si misma". Isso e Barcelona, imensa e amada. Ela e a música que acompanha toda a história, composta pelo brilhante Alberto Iglesias. Mas essa fica para outro dia, porque hoje escolhi a última faixa da banda sonora - uma canção linda do senegalês Ismael Lô, ao som da qual costumava adormecer nas noites algarvias de um ano longínquo.

Ismael Lô, Tajabone (da banda sonora
de Tudo sobre a minha mãe, de Pedro Almodóvar)

9 comentários:

Martini disse...

Pff!!
Muito bom.. lembro-me tão bem de ter ido ver este filme ao Fonte Nova.

Pedro disse...

Xiii, há quanto tempo não vejo um filme no Fonte Nova! Ultimamente tem sido mais Corte Inglés... bjs

Por entre o luar disse...

hello:) beijinho *

Sorrisinho com o tempo chuvoso:S

Huckleberry Friend disse...

Chuvoso? Onde é que vives? Ou estás só a agoirar? Por aqui está cinzentóide, mas sem sinais de ir chover... bom, retribuo na mesma ;)

Por entre o luar disse...

lool...pois eu vivo na Beira Baixa:) e aqui estava chovoso nessa altura:)

Beijinho grande:) sorriso*

Daniel Aladiah disse...

Não conheço porque não quis... :(
aceito que seja assim tão bom.
Um beijo
Daniel

Huckleberry Friend disse...

OK, Por entre o luar! E olha que Lisboa acabou por também ter o seu quinhão de chuva! Beijos e sorrisos.

Daniel, vale a pena ver o filme. Um abraço.

Martini disse...

Hey!
Acho que desde essa altura que nao vou ao Fonte Nova! eheh

Huckleberry Friend disse...

Lol... nos últimos meses passei lá duas ou três vezes, mas nunca para ir ao cinema!