sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

À nossa casa


Madness, Our house

10 comentários:

Mateso disse...

Is our shelter, isn't it?
Hugs.

Periférico disse...

Em casa ou fora dela aproveita bem o fim-de-semana!;-)

Um abraço

Por entre o luar disse...

Um bom fim de semana=P

Muitas palhaçadas... e como estamos em época de grande diversão...
sorrisos animados da lua um pouco menos brilhante, mas ainda com alguma luz=P

beijinhos*

rato do campo disse...

Gosto de Madness. Boa banda de ska!

Infanta de Portugal, Rainha de Espanha disse...

one house
one year
one kiss
one flower
one night
one book
one poem
one love
two people - me and you

Daniel Aladiah disse...

Sem ser galinha :) te digo que our house is always our house...
Abraço
Daniel

purita disse...

e se for a house of fun in the middle of the street? isso é que era!:D

Maria del Sol disse...

Já há algum tempo que não comento na casa das codornizes, mas não é por vos ter esquecido (uso o plural porque sei que a Reina é omnipreente por aqui ;)), apenas por falta de disponibilidade. Gosto muito desta canção dos Madness e também de vos visitar e descobrir o que têm de novo por aqui.

Besos e bom carnaval!

Huckleberry Friend disse...

É mesmo, Mateso. Às vezes, ter a chave no bolso é a última segurança... hugs from Huck!

Periférico, foi fora, em terras galegas. Muito a correr, mas com tempo para amigos, amores e paisagens bonitas. Diga-se o que se disser, aproveitei bem. E senti-me bem quando voltei a meter a chave à porta... outro abraço.

Por entre o luar, diverti-me bastante e pensei muito na lua (até a meti num esboço poético), porque já o Carnaval pouco me diz... Beijinho com algum do sol galego que apanhei!

Rato do campo, conheço-os pouco, mas esta música ecoa-me nas orelhas há quase 20 anos... Hoje, foi pura e simplesmente o som certo na altura certa. Abraço.

Princesa de mi barrio, one chocolate... no, two? Is there any left? Sweet kisses and sweet dreams!

Daniel Aladiah, grande verdade! E não há que ter vergonha de recorrer à protecção do ninho! Abraço.

Purita, quero muito fun na minha casa, nas de outros e na rua. E um pouco por todo o lado, sem ser obrigatoriamente quando o calendário diz que é Carnaval!

María, ainda bem que estás de volta e que gostas do que lês e ouves. O ninho é meu, mas a casa é nossa. E a reina tem carta branca em ambos, claro. Besos, o Carnaval foi bom porque não dei muito por ele!

Anónimo disse...

Oi,

estou eu aqui no Rio, entediada e febril, resolvi me pesquisar, ou ao meu nome, e parei aqui, em seus cumprimentos...achei graça e me sinto curiosa..será uma homônina, enfim...caso seuja eu mesma, obrigada..e, se puder saber o motivo do agrado, adoraria!
Qq coisa pode escrever para prod@vmcultural.com.br.
Boa noite! Maria