terça-feira, 18 de março de 2008

Músicas que ficaram (IV)

Prossegue a lista dos discos que marcaram os meus anos de adolescente. Gosto de álbuns ao vivo, tal como gosto de ir a concertos. Gosto, sobretudo, de álbuns ao vivo gravados em concertos onde estive. Não é o caso dos dois primeiros discos que hoje aqui trago, embora já tenha ouvido Moustaki ao vivo e tencione fazê-lo de novo em Maio. Os Queen nunca tive oportunidade de ver. Quanto ao disco dos REM, foi oferecido à minha irmã quando fez 11 anos e ocupou-nos o resto das noites de Verão. A culpada de levarem com esta música toda é, recordem-se os prezados leitores, a Martini. Entregas passadas: I, II e III.



Live at Webley '86, Queen (Bohemian Rhapsody)


Moustaki au Dejazet, Georges Moustaki (Le métèque)


Out of time, REM (Losing my religion)

10 comentários:

CVD disse...

Três músicas intemporais sem dúvida!!
Junta-lhe a "la Boème" de Aznavour
"Et si tu n'exitais pas" do Joe D'Assin (acho que é assim que se escreve), "You've gota a friend" James Taylor, "American Pie" Don McLean e...bem podia ficar aqui a tarde toda...beijos primo!!

Huckleberry Friend disse...

Belas sugestões, prima... dignas de aparecerem aqui no codornizes nos próximos tempos. A tarde toda a ouvir música era mesmo o que apetecia, e até é o que tenho feito. Mas apetecia sem estar a trabalhar! Beijinhos.

Sammia disse...

Está todo mundo recordando assim como eu naquela postagem :D
Isto é bom!
Puxa, eu ouvia muito esta música do REM em 92. Só de lembrar me esquenta o coração...quanto tempo...16 anos :')

Obrigada Huck!
Beijos da Sammia e Abraços do Bruno

Huckleberry Friend disse...

Oi, Sammia! É verdade, a tua entrada de há dias também permitiu ouvir músicas que andavam esquecidas... é bom recordá-las através dos nossos blogues. Beijinho para ti, abraço ao Bruno.

Martini disse...

:)

Huckleberry Friend disse...

;)

macaw disse...

E cá está o bom gosto novamente! Adoroooooo os Queen, gosto dos REM. mas devo dizer que não conheço os mous não sei das quantas. prometo ouvir quando tiver tempo!

não sei se gostas, mas o Joe Satriani vai estar por lisboa e porto (30 de abril e 1 de maio). vale a pena! também vai cá estar em inglaterra e espero ir ver!

bjinhos e boa pascoa!

Huckleberry Friend disse...

Querida Macaw, esta até me doeu, porque o homem - embora pouco conhecido na minha geração - é um dos meus músicos preferidos... que é como quem diz que os Mous não sei das quantas de que falas são um só, chamado Georges Moustaki. Nasceu no Egipto, tem ascendência grega e deu-se a conhecer em França. É, como o Pagani, que aqui evoquei, um mediterrânico de gema. Podes ouvi-lo nesta mesma entrada ou no CCB, a 19 de Maio. Lá estarei! Beijinhos e boa semana.

macaw disse...

my friend, ficamos sempre assim desiludidos quando as pessoas não apreciam certos artistas que gostamos imenso! deixa lá! não podemos conhecer tudo! olha, ainda não tive nenhum comentário positivo ou negativo em relação ao satriani, que por acaso é um dos meus guitarristas preferidos, porque adoro guitarra! duvido que muita gente o conheça!
mas é assim, meu amigo (isto sou eu a desculpar-me pela minha ignorância), não podemos saber tudo!

mas acredita que vou ouvir. posso até vir a gostar.

bjiiinhos ;)

Huckleberry Friend disse...

Macaw, tens toda a razão. Eu aqui a barafustar por causa do Moustaki (ouve, vale a pena!), e nem uma palavra sobre o Satriani. Não conheço muito, mas pelo pouco que já ouvi dele sei que é exímio com as cordas da guitarra... não sei se irei ao concerto, já que Knopfler, Moustaki e Cohen ameaçam deixar-me na penúria por alguns meses. Mas vou já, já ao youtube ouvir qualquer coisita do teu homem... beijinhos!!!