quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Quem sobe a parada em Junho?

23 Fevereiro, Pavilhão Atlântico
Charles Aznavour, La Bohème


8 Março, Pavilhão Atlântico

The Cure, Boys don't cry


4 Abril, Campo Pequeno


Mark Knopfler, Brothers in arms


19 Maio, Centro Cultural de Belém

Georges Moustaki, Sans la nommer

Nota: corrigi a data dos The Cure. Obrigado, SF!

11 comentários:

© Piedade Araújo Sol disse...

venho deixar as minhas mãos à deriva, enquanto procuro essas musicas no yotube...

beijo de mar...

JP disse...

Promete, promete...

Um abraço.

cris disse...

Sou uma mãe desnaturada se não levar a minha filha mais nova a ver os "The Cure" em Março.

Beijo,

Cris

PS: E porquê "codornizes"?
E pensas tu: Bolas! Ainda agora a linkei e já me faz perguntas destas! Mas que tem ela a ver com isso?
...

SF disse...

Bilhete para 'The Cure'... comprado ainda em 2007 :)
Era imperdoável se não fosse!!!
Beijinhos

SF disse...

Um reparo, Huck... é dia 8 e não dia 3 de Maio.
Beijos

Sofia disse...

Não sei se sobe a parada... mas eu cá quero ir aos Rock in rios... (note-se o plural!)

beijinhos

Huckleberry Friend disse...

Piedade, que as tuas mãos pousem neste ninho sempre que quiserem, quantas mais, melhor! Beijos de uma terra onde ainda chega o cheiro da maresia.

JP, promete e cumprirá! Abraço.

cris, leva a miúda ao Atlântico e divirtam-se as duas! Porquê codornizes, perguntas... e pergunta sempre, que eu adoro! Olha, foi porque na véspera de lançar o blogue jantei umas codornizes deliciosas feitas por uma mestre cuca deliciosa, porque nesse dia tínhamos visto um filme giro (Sem reservas, com a Catherine Zeta-Jones, comédia romântica cuja mais-valia é que tudo se passa num restaurante) e porque nesse filme estavam sempre a falar de codornizes (quails), que a imbecil tradução trocava por perdizes! Beijos.

SF, bem jogado. E obrigado pelo reparo, já corrigi.

Sofia, iremos ao Rock in Rio de um lado e de outro da fronteira, mas para saber se a parada é alta os tipos têm de se decidir a divulgar o cartaz... até agora, Ivete, Alejandro e Kravitz. É muito pouco... olha lá, e se em Madrid tocassem Oreja, Mecano, Pedro Guerra e Presuntos? Se não, cantamos nós a discografia completa, para a viagem passar mais depressa! Um beijo por cada caipirão que tenhamos bebido no último Rock in Rio!

cris disse...

Ai, eu imaginei que tinha algo a ver com um belo petisco.
Vou dar-te uma sugestão por valer a pena.
Nas tuas passeatas, vai até Tourém, no Gerês, e procura um restaurante (um tasquinho dum senhor que foi emigrante). Faz umas codornizes, que nem te digo!
Depois, aproveita e dá um belo passeio por aquela zona!
Lindíssimo!

Vou ver os The Cure, claro, e, este ano, vai ser mesmo para aproveitar os concertos todos!

Beijo e vai ouvir Amy Winehouse.
Que voz!
Pena que esteja tão viciada em drogas pesadas.
Corre o sério risco de ter uma overdose e perder-se-ia um vozeirão
fabuloso!
Não sei se consegues ouvir lá no blog mas no You tube tens vários vídeos muito bons!

Beijo,
Cris

Huckleberry Friend disse...

Cris, anotadas as sugestões gastronómica, turística e musical. Bom fim-de-semana e um beijinho!

miguel disse...

Apesar de tudo, o Aznavour. Pela voz, pelas canções, pela longevidade. Bravo, Charles!

Huckleberry Friend disse...

Já tenho bilhete! Anima-te, pega na Paula e venham também... abraço!