quinta-feira, 25 de outubro de 2007

Don't you just love...

...lemon curd? O da londrina Fortnum and Mason, passe a publicidade (que delícia tomar chá!), era o meu preferido antes de a Sofia ter feito o dela. Comigo. Por isso, a música é para nós dois. Obrigado pelos limões, Avó Lena. E um abraço para todos os familiares, amigos, conhecidos e desconhecidos que alguma vez tenham percebido como o limão pode ser doce.

6 comentários:

Mad disse...

Olha que boa ideia tu me deste! Aos anos que não como isto, e sou absolutamente tarada por lemon curd. Vamos ver se os limões de cá, que são muito mais doces que os daí, dão para fazer. Nham nham nham!

La Reina disse...

Ai Pedro que saudades de Londes... e do chá que ainda conseguimos ir beber e do concerto de Natal...
E sim, o limão pode ser doce e há-de ser!

Mad. se quiseres guardamos um frasquinho para te dar quando cá vieres, ou quando formos aí!

beijinhos doces

Huckleberry Friend disse...

Já está quase a fazer um ano, Sofs. Vamos repetir, ali e noutros lados. Time flies, ou seja, o tempo moscas.

Mad: se vais fazer lemon curd, a oferta da Sofia passa a pressupor intercâmbio. Cê topa?

Mad disse...

É pra já! Troco por camarões. Quando chegam? ;)

Pedro disse...

Camarões só se for para a minha sereia do cais, que eu não gosto. A ideia era mesmo lemon curd com lemon curd se paga...

quequedenoz disse...

Vivendo e aprendendo, essa máxima que nunca esqueço!, obrigado pela dica, nunca comi, mas vou tentar provar!
De Camarões também não gosto, só de ver jogar essa grande equipa de futebol, que estoira nos relvados de alegria!, e de Londres, aí...que saudades....que saudades, prometo que voltarei, um dia no Natal e quem sabe a festejar uma data importante!
Para ti e para todas as "codornizes" que por aqui passarem, bom fim de semana!, e claro, atenção que a hora vai mudar!
Abraço forte!