terça-feira, 9 de outubro de 2007

Fúria ibérica


Não tendo surgido, no primeiro dia deste blogue, um esboço de quem cria estas codornizes, a apresentação terá de fazer-se ao longo do tempo. Menos mal, assim trocamos a enumeração de virtudes e defeitos próprios, pouco fiável, pela sua descoberta por quem por eles se interessar. Não hesitem em apontar umas e, sobretudo, outros.

O sentimento ibérico é o primeiro traço a desvelar. Para dizer que gosto desta península e que não gosto que lhe façam cabronices destas. Mas delas falaremos outro dia.

Gosto de Portugal. Gosto de Espanha. As suas gentes pouco diferem das nossas, concluo das andanças castelhanas, catalãs, galegas, bascas, astures e andaluzas a que a vida me tem levado. Sem embarcar nas quimeras de Saramago, julgo que não era drama se a História tivesse feito de Portugal e Espnha um só país. Como fez dois, tire-se partido da diferença. E da diversidade interna de ambos. E das semelhanças, claro.

6 comentários:

ana vidal disse...

Concordo: tudo podia ter sido diferente e possivelmente melhor. A culpa foi do chato D. Afonso Henriques, ou da mãe que não o soube educar e deixou que ele lhe batesse. Mas agora está feito e é irreversível (em termos teóricos, pelo menos). Já nem é uma questão de nacionalismo, é só de espinha...

beijo

La Reina disse...

Traidores de 1640!

TVQ disse...

para "vosotros" apenas um comentário - sauld y república!

tom sawyer disse...

Aqui fica o quarto ovo: salud, república y unión!
abraço

Pedro disse...

Ana, estou de acordo. A ter havido união, teria sido na altura da Tareja e do miúdo. Hoje, a questão das fronteiras não se põe. É por isso que não consigo simpatizar com os nacionalismos periféricos espanhóis (nem com nenhuns outros, by the way).

Também me irrita o anti-espanholismo de alguns portugueses (ai, tanto medo!) e a tolerância para com o terrorismo etarra, apenas porque incomoda Madrid. Ouvir falar desta gente como "esquerda abertzale" faz-me rir para não chorar...

Tom, tvq, mi reina: Salud, república, unión. Quem me dera ter seis braços, dava-vos já três abraços! Dou à mesma, demora é mais tempo.

Anónimo disse...

o que é natural não é apenas um país porque Espanha é feita de várias nações. O que seria natural era termos Portugalicia, Astúrias, Euskal Herria, Catalunha e Espanha (Castela, Léon, Extremadura e Andalucia). Em suma, seriam 5 países na P.I., isso sim, seria natural.

JVN